quarta-feira, 2 de fevereiro de 2011

Segredos do Pedigree (Documentário)!

Olá Pessoal,

Na noite passada eu estava no trabalhando, no Plantão. Como os atendimentos terminaram por volta das 02:00h da madrugada, acomodei-me num dos bancos na recepção da clínica e fiquei assistindo o canal Animal Planet. O tempo passou e após aprender boas práticas de abordar um cão e tratar filhotes segundo a "Psicologia Canina" de César Millan (O Encantador de Cães), deu-se início um documentário muito interessante chamado "Segredos do Pedigree"! (NOTA: Já utilizei algumas técnicas que o César Millan apresenta em seu programa/livros e obtive respostas satisfatórias dos meus pacientes)!

Como a imagem vale mais que mil palavras, postei a seguir todo o documentário! É uma seqüência de sete vídeos, nos quais são abordados diversos temas interessantes sobre a vida dos animais de raça, segundo os critérios do Kennel Club Internacional! Vale a pena assistir, divulgar e comentar!

Abração,

Flávio Nunes.

















Foto: http://www.documentarios.org/video/detalhar/2580/segredos_do_pedigree/?categoria=5&subcategoria=66

12 comentários:

Vera disse...

Fiquei indignada ao saber sobre o sacrifício de filhotes saudáveis por causa da aparência...
Não sei como reagiria se estivesse perto daquela mulher que disse que leva os filhotes para serem sacrificados...
Essas pessoas que insistem em criar essas aberrações com os animais são na verdade elas mesmo grandes aberrações.
Por isso nunca compre um cão. Adote!!!

Flávio Nunes. disse...

Olá Vera,
Pois é, eu também fiquei muito indignado ao saber disso; e muito enraivecido ao perceber e descobrir que esta é uma prática "comum" neste meio!
Sou Veterinário, estudei muito para salvar a vida dos animais e, consequentemente, proporcionar ao seres humanos um contato harmônico com estes.
Tem um detalhe interessante no vídeo, onde uma delas diz algo parecido com isso que descrevo a seguir: "Está ficando cada vez mais difícil encontrar 'bons veterinários'. Os mais jovens não querem fazer a eutanásia. Temos que recorrer aos veterinários mais antigos"! Faça-me o favor né!!!!!!!!!!!!!!!!!! Imagine a quantidade de animais saudáveis que já morreram simplesmente por não serem definidos como "esteticamente" padronizados para a raça? Nem quero pensar em números quanto a isso!
Infelizmente o Kennel Club Internacional perdeu completamente os seus créditos comigo!
Como você bem disse: "Nunca compre um cão, adote"!!! Saibam que ainda assim, tem muitos cães vira-latas, sofrendo a falta de um lar dentro dos canis municipais das cidades! O vira-latas é tão cão quanto os de raça, gosta de carinho tanto quanto eles e retribui o amor (alguns mais) do que os de raça!
Abração minha amiga! Obrigado mais uma vez pelo seu comentário!
Flávio Nunes.

Luiza Eloi disse...

Olá Flavio.

É impressionante até que ponto chega a ignorância humana, e é absurdo pensar que existe gente com esse pensamento convivendo no mesmo mundo que seres puros como os animais. E o que é correto para eles? Cães mutilados, sem rabinho, sem orelhas, cães que saibam desfilar? Todos esses criadores estúpidos dizem que fazem isso por amor, por isto está na hora da sociedade repensar qual é o sentido de amar um animal, se for dar boa comida, água, carinho para depois o mutilar e fazer estupros coletivos, então eu acho que não amo o bastante o meu cachorro.

@luizaeloi

Flávio Nunes. disse...

Olá Luiza,
Acredito que o homem tem uma capacidade enorme de subverter tudo quanto considera bom! De uma forma ou de outra, estamos sempre tentando "melhorar" aquilo que já foi criado para ser bom e útil! Seguimos com uma tentativa desenfreada de melhorar o que já está ótimo! Infelizmente, muitos de nós tornamo-nos cegos diante de sede de "perfeição" e não vemos que criamos aberrações e distorcemos uma realidade, per si, harmonica e perfeita!
É uma pena depararmo-nos com tais situações e ver que, por intermédio de mãos humanos, outros seres vivos sofram tanto!
Concordo contigo, acho que está na hora da sociedade repensar qual é o sentido de amar um animal! Amamos os animais em qual grau? Mas, como veterinário eu digo e defendo uma idéia: Por mais amados que devam ser, não podem assumir o posto de "Bêbes" ou "filhinhos"! Eles são, por assim dizer, membros da família e fazem parte do nossa relação inter-específica! Os filhos e os bebês, tal qual entendemos, faz parte de uma relação intra-específica! Esse detalhe faz toda uma diferença!
Obrigado pelo comentário...
Abração,
Flávio Nunes.

Ká Oliveira disse...

Oi Fla..
Realmente é triste ver pessoas desse meio pensando só em dinheiro, pois nem a estética dos bichins é tão importante pra esse povo frio quanto o que eles ganham só com isso... Eu não sabia que existe tanto cruzamento consanguíneo.. que triste.. Gostei da pergunta para o presidente do Kennel, se ele teria um filho com sua filha..rsrs
Muito comovente mesmo e tomara que existam várias Carols que possam sentir a dor que eles sentem... minha nossa! Estou indignada... esse povo da competição não sabe o que é amar e ser amado por um cãozinho...
Querido...bendita as mãos dos veterinários concientes e que seja alertada a conciência dos profissionais sem coração.
Grande beijo
karina

Flávio Nunes. disse...

Olá Karina,
Sim, é realmente muito triste presenciar pessoas relatando algumas barbáries e os motivos fúteis que as levam a fazer tudo o que fazem com os animais! Parar elas os cães não passam de simples fantoches e "coisinhas" que podem manipular a bem prazer!
Trabalhei num lugar onde o dono era um veterinários "das antigas"... saí de lá o mais rápido que pude!
Mais uma vez, obrigado pelo comentário!
Tenha uma ótima semana!
Abração,
Flávio Nunes.

Ariane Godoy disse...

Estou sem palavras ...
Como as pessoas conseguem ser tão cruéis, pessoas assim não merecem respeito algum ! Dinheiro vai e vem, eles podiam achar outro meio de ganhar dinheiro!

Flávio Nunes. disse...

Bom dia Ariane,
Acredito que a crueldade é inerente à natureza humana, assim como o é o amor! Entretanto, cada indivíduo trás para junto de si um meio de vida que "melhor" lhe convém e traz satisfação! Aqui é que se encontra o problema, na minha opinião! Infelizmente algumas pessoas, satisfazem-se com a manipulação do outro e tentam moldá-los a seu bel prazer! Acham-se bons o suficiente para servirem de moldes, e dessa forma tudo quanto é contrário e/ou encontra-se "errado", "precisa" ser remodelado, segundo suas próprias concepções.
Obrigado pelo comentário e por sua passagem aqui no Bog!
Abração,
Flávio Nunes.

PS: Se puder ler minha última postagem "Conflito e Paz! http://t.co/R8hQ32S ", acho que vai entender melhor o que eu estou falando! Abração.

vanessa disse...

É uma das coisas mais bizarras que vi nos últimos tempos, sei que o post é antigo, mas não conhecia o documentário, apesar de assistir bastante ao Animal Planet. Só me resta ficar muito triste e indignada com o que este bando de ricos com vida vazia e pés fincados no tradicionalismo fazem com seus bichos. A ostentação e o elitismo falam mais alto do que o amor, os cachorros devem ser belos para compensar alguma frustação de seu dono, em sacrifício à saúde e uma vida digna que poderiam ter. Morri! :(

Flávio Nunes. disse...

Olá Vanessa,
Até postar aqui, eu também não conhecia esse documentário. Infelizmente, muitas vezes, os animais sofrem as consequências dos caprichos de alguns seres humanos.
Infelizmente algumas pessoas não visam o bem-estar de seus animais; os tem como "brinquedos", seres moldáveis ou ainda, mercadorias para escambio ou negociação.
Obrigado pela visita e pelo comentário.
Abração,
Flávio Nunes.

analufm disse...

Inacreditável como esses seres se julgam superiores, ao ponto de brincarem de Deus para moldarem ao seu "bel" prazer, seres vivos e inocentes, que são os que mais sofrem, nem mesmo minha indignação chega perto da dor que essas pessoas proporcionam a esses animais. É inadmissível ver a indiferença desses criadores, de saberem das doenças genéticas de seus animais e ainda permitirem procriações, e permitirem que procriem de um modo onde espalhem a doença e adquiram mais. Isso pra mim, é uma barbárie. Os coitados dos animais eram bem mais bonitos e saudáveis, sem sombra de duvidas, antes de toda arrogância humana.

Ana Lúcia.

Flávio Nunes. disse...

Olá Ana Lúcia,
Pois é, realmente é inacreditável ver que ainda há pessoas neste mundo capaz de utilizar os animais para o próprio prazer.
Tudo o que foi mostrado no documentário é apenas a ponta do iceberg. Imagine as coisas que estão por trás disso e que não foram comentadas?!
Obrigado pelo comentário e por partilhar conosco sua opinião.
Abração,
Flávio Nunes.

Postar um comentário

Postagens populares

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...