quarta-feira, 28 de setembro de 2011

Coração Partido!

Ela já não aguentava mais o peso do próprio corpo e caiu de joelhos naquele chão áspero. Doeu muito sentir as minúsculas pedras penetrarem sua pele, no entanto, aquela dor física em nada se comparava à dor que sentira ao encontrar o seu noivo, primeiro e único homem que a tocou tão profundamente, na cama com uma prostituta. Ela se entregou a ele, pois achava que havia encontrado pessoa correta para ser o pai dos seus filhos e o homem que a faria mulher por toda a vida.

Encontrar-se alí, caída no chão, num canto da calçada, com os joelhos lacerados e a alma hemorrágica, não era a melhor condição para uma jovem tão delicada e de família refinada. "Que fiz"? Perguntou angustiada para si mesma.

Olhando para os lados, não conseguiu identificar em que lugar do planeta estava. Estava em sua cidade, à duas quadras de casa, mas o giros eram muitos. Em sua casa, seus pais a aguardavam ânsiosos e preocupados. Afinal, era a primeira vez que a filha saía sem dizer o paradeiro e o motivo de tanta raiva.

Seus esforços foram falhos. Havia bebido demais e não se recorda o momento que perdera a razão. Sem mais demora saiu-lhe da boca um liquido viscoso e amargo como o féu. Vomitou tudo que ainda restava em seu estomago, e não fosse o histórico e o fato de estar com uma dor de cabeça colossal, sinal que ainda estava viva, para o seu desprazer, acharia que fora envenenada.

A dor estomacal e de cabeça alternavam-se, eram insuportáveis. Começou a ficar em posição fetal, era a que menos lhe causava dor. Assim ficou por muito tempo. Adormeceu, semi-nua, machucada e vomitada.

Uma vizinha passando pelo local a identificou e pediu ajuda aos passantes. "Que coisa te aconteceu menina"? Repetia ela com lágrimas nos olhos. Não podia acreditar na maldade humana contra um ser tão indefeso. Mal sabia que tudo aquilo era auto-flagelação, consequência de um coração destruído e uma alma perdida.


Foto: http://coracaopartidoentraaiamigo.blogspot.com/2011/07/porque-um-coracao-partido-realmente-doi.html

2 comentários:

Ká Oliveira disse...

Olá querido amigo...
Que texto mais gostoso de ler... será que haverá cenas dos próximos capítulos? que tal uns temas assim: vingança, renascer do limo... hahahaha..
Estou sumida, mas sempre por aqui..
Grande beijo

Flávio Nunes. disse...

Olá Ká,
Já estava sentindo falta dos seus comentários. Quanto às cenas dos próximos capítulos, estou pensando em "o outro lado da moeda"... mas acho vingança, renascer do limo,.... temas muito bons!!!!!
Obrigado pela visita e pelo comentário!
Tenha um ótimo final de semana.
Abração,
Flávio Nunes.

Postar um comentário

Postagens populares

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...