sexta-feira, 20 de abril de 2012

Nietzsche e Chico Buarque!


Certa vez ouvi que Nietzsche foi um filósofo incompreendido. Após ler parte de sua obra e dos autores contemporâneos que dele discorrem suas teses e livros, concluí que há verdade no que ouvi e afirmei inicialmente.

Esse filósofo Alemão cursou também Teologia. Entretanto, em face a realidade de sua época, discursou contra o modo de pensar restrito e unifocal que a sociedade da época lhe impunha. Rebelou-se contra esse sistema e foi taxado louco, herege, anti-cristo. Foi abafado e morreu solitário.

Receio que se Nietzsche vivesse em outras épocas e em outras partes do mundo, poderia facilmente ser chamado/comparado Marx, Che Guevara ou ainda, Chico Buarque. Não é meu desejo uma comparação ideológica, uma vez que cada qual defendeu suas idéias, frente à realidade vivida no seu tempo e lugar histórico.

O que Chico Buarque queria, um século depois de Nietzsche, era abalar o sistema ditatorial que o regime militar impunha. Chico e cia., destacaram-se por irem contra algo que lhe afetava de forma negativa e colocou em versos, rimas e harmonia, aquilo que todos desejavam dizer, mas não eram ouvidos. Foram perseguidos, exilados e voltaram vitoriosos. 

A sociedade da época estava passando por um período de repressão intensa e algo deveria ser feito para frear tal empreitada. Ambos, no intervalo de um século, posicionaram-se contra um regime autoritário, que lhes esmagava e asfixiava. Desejavam respirar livremente e expressar suas idéias e convicções sem serem retalhados.  Ambos estavam à favor do povo, ambos estavam à favor do ser humano. A diferença é que Nietzsche era reprimido pela igreja e Chico Buarque pelo regime militar (Política). Nietzsche tornou-se inimigo da igreja e de Deus, Chico Buarque por outro lado, tornou-se um libertador e um guerreiro contumaz.

Pode ser que eu esteja enganado, mas se os tempos e papéis fossem invertidos, certamente teríamos um Chico Buarque histórico, solitário e louco; e um Nietzsche revolucionário, redentor dos pobres e oprimidos. Aquele que fala pelo povo e o liberta das amarras nocivas de um sistema rígido e autoritário.



0 comentários:

Postar um comentário

Postagens populares

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...